top of page
Buscar

Listas e lançamentos | Saúde ao Papa! Educação aos brasileiros!


A Avenida Paulista, um dos cartões postais de São Paulo, a minha cidade maravilhosa, foi palco de mais um ato de extrema-direita. Entre os organizadores estavam Silas Malafaia e o ex-presidente Jair Bolsonaro, que em seu discurso pediu anistia aos envolvidos nos atos golpistas de 8 de janeiro do ano passado em Brasília (DF).


A professora Lilia Schwarcz, uma das grandes intelectuais brasileiras da atualidade, postou um vídeo em seu Instagram onde manifestantes junto a um artista de rua, cantavam "Pra não dizer que não falei das flores", de Geraldo Vandré, um dos hinos contra a ditadura e o golpe de 1964. Para a professora da USP, o fato mostra a falta de cognição de muitos. Eu concordo com Lilia, mas não em gênero, número e grau, ao menos juntos.


E na última quarta-feira, dia 28, o Papa Francisco realizou a sua tradicional audiência com o povo no Vaticano, mas não leu seu tradicional discurso devido uma forte gripe. Na sequência, o Sumo Pontífice foi levado ao hospital e passa bem.


Depois desses e tantos outros acontecimentos, só posso continuar a lutar pela boa educação e fazermos juntos um pedido a Deus: "Saúde ao Papa!"




Uma visão íntima e comovente da vida do humanitário britânico que, aos 29 anos, desafiou o status quo – na Tchecoslováquia sob ocupação nazista em 1938, meses antes do início da Segunda Guerra Mundial – e arriscou tudo para resgatar 669 crianças do Holocausto.

Por meio de um texto ágil, delicado e pessoal, Barbara Winton, filha de Nicholas Winton, habilmente conduz os leitores por uma narrativa que transcende o tempo e as fronteiras da História, destacando a importância da escolha da ação diante da injustiça.

Além do livro, que chega ao Brasil pela Editora Cultrix, essa poderosa história sobre o trabalho humanitário de Nicholas Winton chegará aos cinemas em 14 de março, com distribuição da Diamond Films. Uma Vida - A História de Nicholas Winton é estrelado pelo renomado ator Anthony Hopkins.

Gênero: Não-ficção | 320 páginas | Adquira seu exemplar

 

 



Em 2019, 24 atletas da base do Flamengo foram surpreendidos por um grande incêndio enquanto dormiam. As chamas, iniciadas pouco depois das cinco da manhã, alcançaram todos os quartos em menos de dois minutos. O desastre vitimou dez meninos entre 14 e 16 anos e colocou fim ao sonho de se tornarem ídolos no país do futebol.

Daniela Arbex — autora de Todo dia a mesma noite e Holocausto brasileiro —, reconstrói o que de fato aconteceu naquela madrugada. Com laudos técnicos, trocas de mensagens, dados e relatos até então não divulgados, a obra é uma voz potente contra o esquecimento que nega a história.

Gênero: Não-ficção | 304 páginas | Adquira seu exemplar


 



Um dos maiores diretores de todos os tempos revisita os principais filmes norte-americanos da década de 1970, aos quais assistiu pela primeira vez quando ainda era criança. A obra é uma combinação de teoria do cinema, críticas de filmes, reportagem habilidosa, curiosidades e fascinante história pessoal, na voz singular de Tarantino.

Ao mesmo tempo que comenta diversas obras, analisando direções, produções, escalações e atuações, o autor investiga outros caminhos possíveis para cada filme e compartilha sua extraordinária visão sobre cinema.

Gênero: Não-ficção | 400 páginas | Adquira seu exemplar


 



Conhecido por seus insights poderosos sobre a natureza da criatividade e da luta artística, o autor dá continuidade à missão de empoderar profissionais com ideias originais no mundo todo.

A Jornada do Artista oferece uma perspectiva única para escritores, pintores, músicos, produtores de conteúdo e criativos de todas as esferas, mas que também pode ser aplicada aos negócios e na melhoria de processos. É uma leitura essencial para aqueles que buscam compreender e aprimorar seu processo de criação, mergulhando nas profundezas da mente artística. Um livro para quem tem como vocação criar coisas que nunca existiram antes.

Gênero: Não-ficção | 180 páginas | Adquira seu exemplar

 

 



Uma história contemporânea em que a amizade e a atração cruzam os limites de classe, etnia e sexualidade, e na qual jovens encontram a verdadeira alegria, o drama e as inúmeras possibilidades criativas do trabalho.

Com boas doses de drama e mistério, o leitor acompanha a jornada de Emi Price: uma jovem estagiária de design e produções de filmes em Los Angeles. Depois de se libertar de um relacionamento tóxico com uma mulher mais velha, decide dar um tempo na vida amorosa e focar ainda mais na carreira dos sonhos.

Gênero: Romance | 336 páginas | Adquira seu exemplar


 

E para terminar, deixo uma dica para os amantes da sétima até:

Justamente hoje, o longa "Monster", de Hirokazu Kore-eda, indicado à Palma de Ouro em 2023, faz a sua estreia no Telecine Cult e está recebendo o nome de Monstro por aqui.

O filme mostra três visões diferentes de um mesmo acontecimento. O filme sul-coreano aborda temas importantes como bullying, educação escolar, a jornada de uma mãe solo, entre outros temas desafiantes do cotidiano do século 21.

Monstro ou "Monster", aos que preferem o clássico, está disponível para assistentes Tele Cine no Globoplay.



Assisti o longa na pré-estreia e recomendo o filme que fará você pensar e refletir sobre a visão de um fato que temos a partir do lugar que estamos. Monster ainda mostra que independente do lugar do mundo que estamos, algumas coisas acontecem em qualquer lugar.


 

Confira aqui a publicação de Lilia Schwarcz citada no início do post:




Abraços Literários,


コメント


bottom of page