Buscar

Livros nacionais que vão virar filme

Na edição 203 do podcast do Publishnews, o título do programa foi “Do papel para as telas”, onde foi conversado sobre produções literárias adaptadas para o cinema e streamings.


O episódio recebeu o produtor Rodrigo Teixeira, dono da RT Features, a autora Carina Rissi, escritora best-seller com um total de mais de 400 mil exemplares, segundo dados da editora. E teve a participação de Fábio Herrara, Leonardo Neto, Carina Lourenço e Talita Facchini.


Durante o bate-papo, Teixeira revelou alguns livros nacionais de sucesso que irão ganhar adaptações para a sétima arte em 2022 e que em breve irão chegar para o grande público.

Abaixo deixo a lista com as quatro obras que serão adaptadas para as telas, e enquanto os filmes não chegam para nós, escolha qual será a sua próxima leitura. Que tal?


1- Barba ensopada de sangue, Daniel Galera

Neste quarto romance de Daniel Galera, um professor de educação física busca refúgio em Garopaba, um pequeno balneário de Santa Catarina, após a morte do pai. O protagonista se empreende a busca pela verdade no caso da morte do avô, o misterioso Gaudério, que teria sido assassinado décadas antes na mesma Garopaba, na época apenas uma vila de pescadores. O professor estabelece relações com alguns moradores: uma garçonete e seu filho pequeno, os alunos da natação, um budista histriônico, a secretária de uma agência turística de passeios. Aos poucos, ele vai reunindo as peças que talvez lhe permitam entender melhor a própria história.

Adquira seu exemplar


2- Enterre seus mortos, Ana Paula Maia

Uma habilidosa mescla de novela policial, faroeste de horror e romance filosófico, escrito por uma das vozes mais originais da literatura brasileira contemporânea. Edgar Wilson é “um homem simples que executa tarefas”. Trabalha no órgão responsável por recolher animais mortos em estradas e levá-los para um depósito onde são triturados num grande moedor. Seu colega de profissão, Tomás, é um ex-padre excomungado pela Igreja Católica que distribui extrema unção às vítimas de acidentes que cruzam seu caminho. A rotina de Edgar Wilson, é alterada quando ele se depara com o corpo de uma mulher enforcada dentro da mata. Quando descobre que a polícia não possui recursos para recolhê-lo, o funcionário decide rebocar o cadáver clandestinamente até o depósito, onde o guarda num velho freezer. Enquanto Tomás se empenha em salvar a alma, Edgar se preocupa com a carcaça daqueles que cruzam seu caminho.

Adquira seu exemplar


3- Ainda estou aqui, Marcelo Rubens Paiva

Eunice Paiva é uma mulher de muitas vidas. Casada com o deputado Rubens Paiva, esteve ao seu lado quando foi cassado e exilado, em 1964. Mãe de cinco filhos, passou a criá-los sozinha quando, em 1971, o marido foi preso por agentes da ditadura, a seguir torturado e morto. Em meio à dor, ela se reinventou. Voltou a estudar, tornou-se advogada, defensora dos direitos indígenas. Nunca chorou na frente das câmeras. Ao falar de Eunice, e de sua última luta, desta vez contra o Alzheimer, Marcelo Rubens Paiva fala também da memória, da infância e do filho. E mergulha num momento negro da história recente brasileira para contar - e tentar entender - o que de fato ocorreu com Rubens Paiva, seu pai, naquele janeiro de 1971.

Adquira seu exemplar


4- Famigerado! A História de Luz Vermelha, o Bandido que Aterrorizou São Paulo nos Anos de 1960, Gonçalo Junior

Por mais que João Acácio Pereira da Costa, o Bandido da Luz Vermelha, tenha se tornado o mais famoso criminoso da crônica policial nacional em todos os tempos, a conclusão ao se ler este livro é que quase nada até então se sabia sobre ele. Por um motivo simples: os mais de oitenta processos que correram contra ele na Justiça Criminal de São Paulo, entre 1967 e 1975, aconteceram em segredo por ordem de um juiz, para proteger a honra das mais de cem mulheres de parte das famílias mais ricas da capital paulista, estupradas por ele. Durante mais de meio século, 23 mil páginas dessas ações permaneceram esquecidas. Sobre elas, Gonçalo Junior se debruçou, depois de fotografá-las uma a uma, além de consultar laudos psiquiátricos e entrevistar várias pessoas, inclusive uma vítima que sobreviveu por milagre e rompeu o silêncio para esta obra. Famigerado! é um relato que vai deixar o leitor atordoado.

Adquira seu exemplar


Escute o episódio 203 do podcast do Publishnews em que essas produções foram anunciadas:

O que achou? Qual você vai esperar ansiosamente pela produção e qual livro você irá colocar na lista de próximas leituras?


Abraços Literários,